terça-feira, 30 de março de 2010

Nova Fusão: Insinuante e Ricardo Eletro juntas

A rede Insinuante, nascida na Bahia, e a Ricardo Eletro, de origem mineira, anunciaram nesta segunda-feira, 29, a união de suas operações, configurando assim mais uma gigante do varejo. A holding que surge desse acordo se chama Máquina de Vendas. O negócio surge quase quatro meses depois do acordo feito entre o Grupo de Pão de Açúcar e as Casas Bahia.

A nova empresa soma 528 lojas presentes em 17 estados. O faturamento anual é de aproximadamente R$ 5 bilhões, como é informado no comunicado oficial da operação. Com isso, a companhia supera o Magazine Luiza, que, com R$ 3,8 bilhões, passaria ao terceiro lugar no setor. 

As redes detêm 50% do novo negócio, cada uma. A meta da holding para daqui a quatro anos é chegar a mil lojas e atingir um faturamento de R$ 10 bilhões. O número de funcionários deve dobrar, segundo o comunicado: de 15 mil funcionários para 30 mil.

No Norte e Nordeste, prevalecerá a bandeira Insinuante. Nas regiões Centro-Oeste e Sudeste, a bandeira trabalhada será a Ricardo Eletro. O plano da nova empresa é abrir mais 50 lojas neste ano. As empresas prosseguirão com suas agências de publicidade: a ProBrasil segue atendendo à Ricardo Eletro, enquanto a Propeg continuará com a conta da Insinuante. A verba de marketing para 2010 será de R$ 250 milhões, mesmo valor que as duas, separadas, investiram em 2009.

O comando da companhia deve ficar com Ricardo Nunes, da presidente e fundador Ricardo Eletro. Luís Carlos Batista, presidente da Insinuante, ficaria no conselho de administração da nova empresa.

Conforme o ranking 
Agências & Anunciantes 2009, publicado por Meio & Mensagem, a Insinuante ocupa a 15ª posição, com investimentos em mídia de R$ 149 milhões (valor com desconto). Sua conta é atendida pela Propeg. Já a rede Ricardo Eletro, cuja agência é a Pro Brasil, investiu R$ 98,1 milhões, ficando no 30º lugar. Esses números são relativos a 2008.

Na sexta-feira 26, outra notícia do setor causou impacto no mercado: o Ponto Frio, rede que foi adquirida pelo Pão de Açúcar em 2009 - e que faz parte da nova empresa formada em dezembro a partir do acordo com as Casas Bahia -, anunciou que sua conta publicitária ficará com a Y&R. 

Fonte: http://www.mmonline.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário