domingo, 1 de novembro de 2009

Brasil é o 13º maior produtor de artigos científicos do mundo

Mesmo alcançando a 13ª colocação em termos de produção de artigos científicos e colaborando com 2,5% da produção científica, o Brasil ainda carece de espírito inovador na área de Biotecnologia.
Essas e outras informações sobre o setor foram transmitidas para alunos e docentes da UnB na palestra Biotecnologia: Gargalos e Desafios, proferida pela professora da UnB e membro do comitê de Biotecnologia da Coordenadoria de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES), Maria Sueli Felipe.
Durante a palestra, a professora buscou incentivar alunos e professores a buscar soluções inovadoras e corrigir deficiências do mercado brasileiro. “Temos problemas com todos os atores que fazem parte do processo de produção biotecnológica, tanto na academia, quanto no meio empresarial, quanto no governo”, explica.
Segundo Maria Sueli, a dependência de importações no Brasil e a baixa oferta de cursos de biotecnologia são sinais que reforçam essas deficiências. Segundo dados expostos por ela, o Brasil possui 24 programas de biotecnologia espalhados pelo país. A região Centro-Oeste possui apenas dois, nenhum deles em andamento na UnB.

Fonte: -www.inpi.gov.br-

Nenhum comentário:

Postar um comentário